quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

“Sai daí, Zé!”


Chega a ser divertido acompanhar o constrangimento da imprensa oposicionista na cobertura dos mensalões demo-tucanos. Cada novidade é acompanhada de menções aos escândalos petistas, como se todos os episódios fossem equivalentes em natureza e gravidade.

José Roberto Arruda, figura manjadíssima desde os tempos de líder do governo FHC no Congresso (ohhh!!!), será sacrificado em cerimônia pomposa, purificadora, assim que as atenções começarem a debandar para cima de seu xará poderoso. E é sempre bom lembrar que a trilha que une os Josés não passa apenas pelo prefeito Gilberto Kassab.

3 comentários:

Anônimo disse...

É crime organizado.Abr.Roberto.

Ig/Carlota disse...

Ontem, na Globonews, a cara do jornalista que comentou a reportagem sobre a renúncia do Arruda era de consternação, eu diria até de frustração.
Se o politíco em questão fosse do PT, por exemplo, a reação com certeza seria de raiva e indignação.
A linha desses jornais é tão clara, tão evidente, que eu não consigo entender como as pessoas não se dão conta...ou não querem?

Anônimo disse...

"Não posso e não vou me igualar aos que abastardam a política do país".
Vou sair o mais rápido possível!!!! Obrigado !!!