quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Anatomia da pizza demotucana



Os membros do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar que negaram o pedido para investigar o mensalão da Alesp foram: Cauê Macris (PSDB), Hélio Nishimoto (PSDB), André Soares (DEM), Campos Machado (PTB), José Bittencourt (PSD) e Alex Manente (PPS). Dilmo dos Santos (PV), acusado de vender emendas, não compareceu.

A bancada oposicionista conseguiu reunir 30 assinaturas para a instalação de uma CPI. Faltam apenas duas adesões. Sem contar a omissão situacionista de PSDB, DEM, PV, PPS e agregados, há 14 legisladores pertencentes a partidos da base governista federal que ainda não apoiaram à iniciativa. Ei-los:

PSB
Marcos Neves (marcosneves@al.sp.gov.br)
Orlando Bolçone (orlandobolcone@al.sp.gov.br)
Carlos Cezar (carloscezar@al.sp.gov.br)
Ed Thomas (edthomas@al.sp.gov.br)
Adilson Rossi (adilsonrossi@al.sp.gov.br)
Vinícius Camarinha (vcamarinha@al.sp.gov.br) – aquele das praias segregadas

PMDB
Baleia Rossi (baleiarossi@al.sp.gov.br)
Itamar Borges (itamarborges@al.sp.gov.br)
Jooji Hato (hato@al.sp.gov.br)
Jorge Caruso (jcaruso@al.sp.gov.br)
Vanessa Damo (vdamo@al.sp.gov.br)

PDT
Rafael Silva (rsilva@al.sp.gov.br)
Rogério Nogueira (rnogueira@al.sp.gov.br)

Um comentário:

Mariana disse...

Há uma iniciativa que se relaciona com pizzarias em sp?
Essa é minha comida favorita, então firmaria sem problemas :)